sopa jerimum gengibre e coco

Muito obrigada pelos comentários que vocês deixaram no meu último post. Vocês são minha motivação pra manter esse blog no ar, me dão forças pra continuar quando o trabalho parece grande demais pros meus frágeis ombros e me inspiram a ser uma pessoa cada vez melhor. Em 2012 o Papacapim foi visto mais de meio milhão de vezes e saber que tem tantos pares de olhos acompanhando o meu trabalho dá um certo frio na barriga (medo de decepcionar vocês), mas também dá vontade de ir cada vez mais longe, na cozinha e fora dela. Já tenho uma lista imensa de posts que gostaria de escrever, então se preparem que tem muita coisa interessante vindo por aí. Sigam-me os bons!

As férias na França são sempre recheadas de receitas deliciosas e dessa vez não foi diferente. Mas cozinhar em uma casa com oito adultos, três crianças e uma árvore de natal gigantesca significa que é impossível fotografar os pratos antes deles serem devorados. Mas alguns pratos fizeram tanto sucesso que fiz várias vezes durante as duas semanas que passei na casa do meu sogro e na segunda vez tomei o cuidado de fotografa-los antes de coloca-los na mesa.

Essa sopa apareceu aqui no blog tempos atrás e desde então várias pessoas se apaixonaram por ela. Minha irmã Lu fez essa receita lá em Natal e toda a família adorou. Fiz uma versão ligeiramente modificada dessa vez, omitindo o óleo de gergelim (muito difícil de encontrar) e acrescentando leite de coco pra deixar a textura e o sabor mais ricos. Também simplifiquei a receita, cozinhando o jerimum sobre o fogão, ao invés de assar no forno antes de fazer a sopa. Em duas semanas, fiz essa sopa três vezes, inclusive na festa de aniversário da minha cunhada (minha sopa foi o primeiro prato que desapareceu do buffet e olha que eu tinha feito um senhor caldeirão!).

Espero que esse primeiro fim de semana de 2013 seja ótimo pra todos nós (e os próximos também). E que o seu ano seja recheado de comida saborosa, vibrante, nutritiva e vegetal.

sopa jerimum gengibre e coco2

Sopa de jerimum (abóbora) com gengibre e leite de coco

Leite de coco caseiro é mais líquido e tem um sabor menos forte do que a versão industrializada, por isso sugiro usar um pouco mais do primeiro. Sinta-se livre pra ajustar a quantidade de coco de acordo com o seu gosto, mas tenha em mente que o coco entra aqui pra realçar os outros ingredientes e deve ser mais discreto do que o jerimum e o gengibre nessa receita. Jerimum de leite (cremoso, doce e compacto) é o ideal aqui, mas pode ser substituído por abóbora do tipo butternut (ou abóbora comum, se for tudo que você conseguir encontrar).

5x de jerimum de leite em cubos pequenos (ou abóbora do tipo butternut), sem casca

1 cebola pequena, picada

2 dentes de alho, picados

1 cs de gengibre fresco ralado

1 cubo de caldo de legumes (se possível sem conservantes e orgânico)

600ml de água

1cs de azeite

1x de leite de coco caseiro (ou 1/2x de leite de coco industrializado)

Sal a gosto

Um punhado de coentro pra servir

Refogue a cebola no azeite até ficar ligeiramente dourada. Junte o alho e o gengibre e refogue mais 30 segundos. Acrescente os cubos de jerimum, refogue durante alguns segundos, junte o caldo de legumes e cubra com a água. Cozinhe coberto até o jerimum ficar bem macio e o líquido tiver reduzido um pouco. Junte mais água se precisar, mas lembre-se de deixar uma boa parte do líquido, senão a sopa ficará muito líquida. Deixe esfriar um pouco e passe a sopa no liquidificador até ficar bem cremosa. Coloque a sopa de volta na panela, junte o leite de coco, prove e salgue a gosto. Se estiver usando leite de coco industrializado, talvez seja necessário acrescentar um pouco mais de água. A sopa deve ficar espessa e cremosa, mas não ao ponto de parecer um purê.  Aqueça a sopa em fogo baixo e sirva polvilhada com coentro picado. Rende 4 porções comportadas.