Os melhores posts de 2012

8 a

Quando, no último dia de dezembro, olho pra trás e analiso o ano que passou sempre tenho a impressão que ele foi mais movimentado do que o ano anterior. Mas acho que 2012 se superou em intensidade. Nesse ano que passou eu dediquei mais tempo do que nunca ao blog e postei com mais frequência. Resultado: com tantas receitas e artigos ficou difícil escolher os melhores posts de 2012. Mas antes de eleger as melhores receitas que saíram da minha cozinha nos últimos doze meses, uma pequena retrospectiva dos acontecimentos que fizeram com que esse ano tenha sido tão intenso, enriquecedor, mas também difícil.

No final de janeiro virei a dona do meu domínio e o endereço do blog se tornou papacapim.org. Pra quem ainda confunde o domínio com o nome, esse blog se chama “Papacapim”, não “Papacapim Veg”. O “veg” só entrou no endereço porque o domínio “Papacapim” já tinha dono.

Em seguida, depois de alguns meses de trabalho, lancei o Guia do Herbívoro Feliz, um e-book recheado de dicas valiosas e receitas saborosas. Ele ainda está à venda e o preço continua livre: você decide o quanto quer pagar. Também criei um e-book em Francês com as melhores receitas do blog e, a convite da editora Caki Books, comecei a escrever um livro de receitas inéditas.

Criei coragem pra falar pela primeira vez sobre meu trabalho no campo de refugiados. Cibele, uma leitora que se tornou amiga, veio me visitar aqui em Belém. A reação de vocês quando comecei a falar sobre a Palestina aqui no blog foi tão boa que comecei a série “Histórias palestinas”, primeiro sobre meu amigo Mustafa e seu pai Mohamad, depois sobre minha amiga Khoulud. Esses dois posts deram muito o que falar…

os gatos

Em abril os gatos entraram na minha vida (2012 foi o ano em que me apaixonei perdidamente por gatos). Visitei o Rio pela primeira vez e encontrei alguns leitores que moram naquele paraíso (Oi, Susana, Ingrid e Carlos!). Depois fui matar a saudade da família em Natal , descobrir as novas opções veganas da cidade e dar minha primeira palestra sobre alimentação vegetal. E antes de ir embora anotei a receita do molho de pimenta do meu pai e, embaraçando a família, contei sobre o dia em que ele quase perde a retaguarda por causa das benditas. De volta à Palestina, hesitei bastante antes de abrir meu coração e comemorar meus cinco anos de veganismo explicando os motivos que me fizeram escolher esse caminho.

Já pro final do ano Anne foi trabalhar em Gaza e o ataque israelense começou. Seguiram-se dias difíceis. Nesse exato momento o computador que eu estava usando quebrou, me obrigando a desaparecer do blog por alguns dias. Isso deixou alguns leitores preocupados e tive que escrever um post explicando a situação.

Durante esse período sombrio, comecei a escrever mais um livro de receitas, dessa vez com os pratos palestinos tradicionais que fazemos no meu projeto. Esse livro exigiu semanas de trabalho puxado, mas graças a ele pude manter a cabeça ocupada e o juízo no lugar. Mas nem tudo é tristeza aqui na Palestina, por isso quis dividir um pouco da beleza e alegria desse lugar. Então, pra terminar o ano com algo positivo, mostrei fotos da colheita de azeitonas e expliquei como os palestinos transformam o fruto em azeite.

2012 também foi um ano recheado de receitas saborosas. Nunca parei de pesquisar novas técnicas, ingredientes e combinações e estou muito feliz com os pratos que saíram da minha cozinha esse ano. Aqui vão as minhas 15 receitas favoritas (doces e salgadas) e porque acho que elas são especiais:

Sorvete de manga e coco

Sorvete de manga e coco. Extremamente cremoso e perfumado. Ninguém vai acreditar que é vegano.

Barrinhas de passas, coco e limão. Práticas, nutritivas e muito saborosas. E depois de ler o artigo que acompanha a receita, espero que você nunca mais compre barrinhas prontas.

Limonada rosa (sem açúcar). Pra mostrar que é possível fazer um suco refrescante e delicioso sem nem um grama do pozinho maligno.

legumes do mar2

Legumes do mar. Um prato surpreendente e facílimo de preparar.

Sopa de feijão vermelho, couve e milho. Não é segredo que sou louca por sopas, principalmente sopas de feijão. Essa foi uma das melhores que já fiz.

Espinafre com creme. Enfim dividi com vocês o segredo do creme vegetal mais saboroso do mundo. Volte pro lugar de onde você veio, creme de soja!

Purê de feijão branco com brócolis. Purê sem batata? Uma bomba de sabor e nutrientes, pode confiar.

Bolinhos de feijão preto e aveia com salsa de manga. O método desses bolinhos foi uma revelação pra mim e a combinação de feijão preto com manga é uma das coisas mais deliciosas desse mundo.

polenta de milho fresco com berinjela3

Polenta de milho fresco com molho de berinjela. A polenta é uma receita de gênio e o molho também pode se transformar em um delicioso recheio de sanduíche.

Espaguete com abobrinha grelhada, espinafre e alho. Até eu, que não sou muito fã de macarrão, viciei nesse prato e comi sem parar durante semanas.

Sushi na tigela. Todo mundo adora sushi, mas detesta a trabalheira que dá pra preparar os rolinhos (makis) . Essa receita oferece o sabor delicioso dos makis, com um mínimo de esforço.

bagels

Bagels. Esse foi, sem dúvida nenhuma, o pão de 2012. Denso por dentro, crocante por fora, o pão perfeito pra sanduíches.

Risotto de cevada com espinafre e tomate seco. Porque além de delicioso ele é especial pois criei essa receita pra comemorar o aniversário do meu amigo Lobo.

Mojo. Tão gostoso que tenho vontade de passar esse creme em tudo que vejo pela frente.

Pesto de coentro e pistache. Porque pesto não se resume a manjericão e pignoli: as possibilidades são infinitas!

 sanduiche vegano

Mas nem só de receitas vive o blog. Aos poucos fui escrevendo cada vez mais sobre outros assuntos, como nutrição e vida vegana em geral. Nessa categoria, esses foram os posts que achei mais interessantes:

Tudo sobre os seus cosméticos. Informação de extrema importância, seguido de dicas pra fazer alguns cosméticos em casa, usando somente ingredientes naturais.

15 dicas pra cozinhar de maneira prática e econômica. Seguido da minha rotina culinária e de dicas pra compor um cardápio vegetal equilibrado.

Tudo sobre chocolate. A maioria das pessoas ignora a composição do alimento mais amado do mundo e ficam impressionadas quando descobrem que leite não tem presença obrigatória da lista de ingredientes.

Anatomia de uma salada. Um dos posts mais populares de 2012 e, espero, um dos mais úteis.

Fibras: porque comer e onde encontrar. Porque a maioria das pessoas que conheço precisa ingerir mais fibras, mas nem sempre procura os alimentos certos.

Como enfrentar a resistência dos seus pais com relação ao veganismo. A resposta ao email de Gabriela, uma leitora de 13 anos.

Vegano no churrasco: guia de sobrevivência. Porque no Brasil toda comemoração rima com churrasco e os veganos que não sabem se virar nessas situações sofrem bastante.

Manual do sanduíche vegano. ‘Sanduíche’ e ‘vegano’ nunca aparecem juntos nos cardápios de lanchonetes, então é melhor aprender a fazer o seu sanduba em casa.

Natal vegano com a família onívora. Pra terminar o ano em clima de paz e amor com a sua família e com o estômago cheio.

 IMG_8890cópia

E o post óvni, que não entra em nenhuma categoria, mas que emocionou muitos leitores:

Só pela subversão. A história (real) de amor impossível entre um palestino e um israelense. Pra minha surpresa, misturei comida com política e romance e ninguém teve indigestão!

pausa café

Espero que vocês tenham passado um final de ano maravilhoso e que eu possa continuar contando com a vossa ilustre presença aqui no blog nesse ano que começa agora. E antes de ir embora, duas perguntas.

 1-Quais foram os posts de 2012 que vocês mais gostaram (mais interessantes, úteis, informativos, melhores receitas…) ?

2- Sobre o que vocês gostariam que eu escrevesse em 2013? Mais receitas (de que tipo)? Mais dicas sobre nutrição e veganismo? Mais histórias aqui da Palestina? Quanto mais específicas as respostas, melhor!

40 comentários em “Os melhores posts de 2012

  1. Bonjour, cara amiga Sandra!!! Que o ano de 2013 traga a vc e ao Papacapim muitos posts, ingredientes, receitas, histórias e inspirações para que esse blog faça mais e mais sucesso! E, claro, tudo de bom para vc e Anne!!! Muita paz, muita luz, muito amor e muita alegria, perfumada com saborosos ingredientes e temperada com lindas histórias! É uma honra para mim ter pessoas iluminadas como vcs no meu rol de amizades! Um grande abraço!!

  2. o ano 2012 foi muito bom, tive a oportunidade de conhecer blogs maravilhosos, como o papacapim aprendi muita coisa .gostei dos post sobre a palestina ,das receitas,aquela troxinha de batata é uma delicia . Amei tudo e amei saber que existe gente maravilhosa como vc e a anne. Feliz ano novo , tudo de bom.

  3. Oi, Sandra e obrigada por dividir as suas receitas, informações e estórias.
    Gosto do seu blog assim. Que você continue inspirada e generosa.
    Feliz 2013

  4. Sandra,
    O seu blog foi o que melhor descobri em 2012!!! Parabéns mesmo!!!
    Sugiro em 2013 manter o padrão porque vi tudo muito equilibrado. Para mim a maior dificuldade está em elaborar um cardápio completo nutricionalmente falando. Assim, como você faz com alguns posts, se sugerir como complementar a receita que estará em foco para tornar uma refeição completa iria ser muito instrutivo para quem está começando o vegetarianismo como eu. Sucesso e muitos posts em 2013! Muita paz e saúde para cumprir sua missão educativa!!!
    Aline (Salvador- BA)

    1. Que honra ser o melhor blog que você descobriu em 2012! Sua sugestão de indicar pratos que complementam as receitas que posto, pra criar uma refeição equilibrada, é muito boa. Vou adota-la! Muito obrigada, Aline.

  5. Sandra obrigada por compartilhar receitas e histórias maravilhosas, eu gosto yanto da dinâmica do blog alternando historias, pessoas, lugares que sugiro que continue assim do jeito que tá pq está muito bom! Amei ler sobre a colheita de azeitona e das receitas o guia da massa perfeita com a castanha ralada e a idéia do parmepão valeram ouro e várias reedições aqui em casa hora alterando a base por quinoa ou cuscuz mArroquino e hora alterando os ingredientes, trocando a abobrinha pela berinjela, o espinafre pelo brócolis…ha tb amei aprender a fazer a berinjela defumada no bico do fogão! Desejo a vc e a Anne um super 2013, muito sucesso com os livros e com o trabalho de vcs , e que o povo palestino veja avanços reais em sua causa.
    Abraços
    Renata

    1. Olha só, eu que hesitei tanto em misturar os assuntos aqui no blog, com medo de deixa-lo confuso demais… Fico feliz em saber que a “confusão” acabou agradando:) Obrigada pelos votos, Renata, e te desejo um 2013 cheio de coisas boas.

  6. Excelentes escolhas, desde que experimentei esse sorvete de manga não deixei faltar manga congelada na minha geladeira, e não posso deixar de citar aquele assado maravilhoso de lentilhas, uma das coisas mais saborosas que ja comi, junto com a salsa de manga fez muito sucesso no meu almoço de ano novo! Obrigado por compartilhar não só suas receitas mas também um pouco de sua vida conosco, as histórias ai da Palestina me faz viajar pra esse lugar que apesar das dificuldades parece ser mágico …

  7. Dona Papacapim, conheci seu blog em março, quando comecei a me interessar pela ideia de não comer carne. Fiz a proposta para minha mulher de tentarmos um mês, e mostrei alguns artigos seus para convence-la que poderia ser uma boa.

    Desde então muita coisa mudou aqui em nossa alimentação, e se há alguém que nos ajudou a mudar em 2012 foi você 🙂 Então ficamos muito felizes em parabenizar seu blog e seu trabalho corajoso e encorajador aí do outro lado do mundo. Torcemos muito por vocês!

    Feliz 2013

  8. Olá, Sandra! Ainda agora estava a fazer uma retrospectiva dos factos felizes do meu 2012( para esquecer os maus) e uma das melhores coisas que me aconteceram foi ter me tornado vegetariana e conhecido o seu maravilhoso blogue. Eu sou fã das suas receitas deliciosas, e muitas faço vezes sem conta, como os bolinhos de feijão preto com manga, o puré de feijão com brocoli, o molho de beringela(que até já virou patê), o sorvete de melancia e banana e ainda tenho muitas que quero experimentar e sei que vou gostar. Aprendi muito sobre nutrição vegana e esses posts foram muito úteis para uma iniciante como eu(o da anatomia de uma salada foi dos que mais gostei). Me emocionei com as histórias dos palestinianos e com o vosso trabalho grandioso. Gosto do blog como ele é, cada receita, cada história é especial. Mas se você puder partilhar mais dicas de nutrição e veganismo connosco seria ótimo.
    Que 2013 traga muita alegria para vocês, boa disposição e sucesso para os livros.
    Bjos

    1. E uma das melhores coisas que me aconteceram nesse ano que passou foi ter expandido as fronteiras desse blog e ter descoberto pessoas tão simpáticas e interessantes aí em Portugal. Pretendo escrever bastante sobre nutrição vegetal esse ano, então aguarde que muitos posts virão. Beijos e feliz 2013.

  9. Olá Sandra!
    Seus posts são tão indispensáveis, que imagino a dificuldade que você teve para selecionar apenas estes!
    Seu blog foi uma das melhores descobertas que eu fiz em 2012!
    Muito obrigada!

    Ps.: Estou tão viciada no Papacapim que sempre dou uma olhadinha no blog antes de ir às compras. Para garantir os ingredientes necessários para colocar em pratica as suas receitas!

    1. Foi difícil escolher, sim, Tatiane, pois coloco tanta energia e tempo em cada receita-artigo que tenho um carinho especial por todos:) Eu é que te agradeço por passar sempre por aqui.

  10. Olá Sandra,
    Bom Ano de 2013 para você e para sua familia! Adoro a dinâmica do blog, especialmente os posts de receita + história. Gostei sobretudo das receitas de pão que publicou, que é um dos meus alimentos preferidos.
    As minhas sugestões para futuros posts são mais receitas de snacks (para fazer um lanchinho a meio da manhã ou tarde) e de sobremesas e mais dicas sobre nutrição. Andei fazendo umas pesquisas sobre quais os nutrientes que necessitamos por exemplo por dia e não consegui encontrar informação fiável. Preciso dos seus sempre sábios conselhos. E há uma receita que eu queria pedir em especial: tagine!
    Obrigada por partilhar connosco e de forma tão generosa todo o seu talento.
    Bjos

    1. Obrigada pelas sugestões, Paula. Eu sei que esse blog precisa de mais receitas de sobremesas, mas como não sou muito fã de doces tenho mais prazer (e insipração) quando crio receitas salgadas… Como resolver esse problema? Mas a dica de lanchinhos já foi anotada (muito boa!), assim como as dicas de nutrição. E quanto ao pedido de receita… você acredita que faço um tajine óooootimo há anos? Pode deixar que tratarei de publicar a receita aqui. Feliz 2013!

  11. Sandra querida, não tenho dúvida de que O FATO de 2012 em minha vida foi a descoberta do Papacapim. O resto foi consequência. Você disse que 2012 foi um ano movimentado, mas se você tivesse acesso a toda revolução silenciosa que você provocou em um sem número de vidas, você veria que sua vida foi muito mais movimentada do que você sequer imagina. Obrigada! Meu abraço pra você e Anne. Sejam felizes, sempre!

  12. Sandra,

    Você provocou mudanças maravilhosas na minha família. Aos poucos ( confesso que lentos demais!!) estou trazendo para a mesa suas receitas e seus assuntos . Te sou eternamente grata.
    O mais engraçado é que sempre que comento sobre algum prato seu com amigos , eu começo assim: “… a minha amiga lá na Palestina me repassou nova receita, que se faz assim:….”
    Portanto , minha querida amiga, bons fluidos e boas criações em 2013.
    P.S: Você sentiu uma leve brisa na passagem de ano ( + ou – 00:00 horas aqui no Brasil )? Era eu te enviando bons fluidos.

    Bjs

    1. Eu é que te sou grata, Carmem, já que o meu maior prazer é ajudar as pessoas (parece cliché, mas juro que é verdade). Adorei saber que você fala de mim pros seus amigos assim (“minha amiga lá na Palestina”). Espero que o fato de descobrir que você tem uma amiga morando em um lugar tão “exótico” acenda a curiosidade deles sobre esse lugar tão falado, mas ao mesmo tempo tão desconhecido do povo em geral. Eu estava dormindo, completamente exausta, na virada do ano, depois de uma noite em claro e um dia inteiro de viagem entre a França e Belém, mas se você mandou bons fluidos pra cá, tenho certeza que chegou:) Muito obrigada e que o ano que começou agora traga ainda mais mudanças positivas pra você e sua família.

  13. Olá Sandra!
    Parabens por todas as conquistas que vc conseguiu em 2012!
    Seu blog é fastástico, não somente pelas receitas maravilhosas, mas também por toda a informação “política” verdadeira que temos a oportunidade de ter acesso através de vc!
    Checo diariamente o blog pra ver as novidades e só deixei um recadinho até hoje, mas não poderia deixar de lhe agradecer também, pois foi graças a vc que no ano de 2012 consegui finalmente me tornar vegetariana!
    Sou nutricionista, sempre possui as informações necessárias apara retirar a carne da minha alimentação, mas sempre me faltou a força de vontade necessária, que encontrei aqui!! Pretendo um dia chegar ao veganismo, mas confesso que vencer as situações desagradáveis com amigos e parentes, e as várias indagações referentes até a minha profissão por conta disto, para mim foi uma grande vitória!

    Um grande beijoo! Meu agradecimento será eterno!

    1. Bárbara, ter descoberto que o blog te ajudou a se tornar vegetariana me emocionou muito. E saber que você é nutricionista, então! Fiquei muito orgulhosa desse espaço virtual que começou tão modesto e que fez com que eu pudesse levar informação, receitas e inspiração pra tantas pessoas bacanas:) Queria então te pedir um favor: conto com você e seu conhecimento pra puxar minha orelha se em algum post eu falar alguma besteira relacionada à nutrição (sabe como é, eu tenho mania de achar que o meu diploma de linguista me dá o direito de brincar de nutricionista…).

      1. Eu que fiquei super contente com sua resposta!
        Os conhecimentos em nutrição deveriam ser matérias obrigatória nas escols desde os primeiros anos de ensino! Toda pessoa deveria crescer sabendo como se manter nutrida! Confesso que somente comecei a pesquisar realmente o que comia depois de ter cursado a Universidade, o que não é mérito algum. Ver alguém tão interessada em mudar sua rotina de uma forma tão saudável e ainda compartilhar destes conhecimentos com os outros, faz de você mais do que uma nutricionista! Um grande beijoo… e ah, até agora só vi informações corretíssimas! Parabéns!

  14. Sem dúvida o Papacapim foi uma das minhas melhores descobertas na internet, porque me prendeu e me fez visitar assiduamente este maravilhoso cantinho 🙂
    É com agrado que vejo o que conseguiste alcançar em 2012! Só com amor e dedicação é que se alcança o sucesso, e no teu caso nota-se realmente isso! Desejo-te um 2013 ainda melhor, e que publiques rápido o teu livro!

    Quanto às tuas perguntas, adorei as receitas: sorvete (as duas receitas), risotto de tomate seco e espinafres, papa de aveia com farinha de coco, pasta de azeitona preta e amêndoa, smoothie de cereja com cacau, bolo de melado e especiarias (ainda não experimentei, mas estou ansiosa por provar!) e biscoitos de aveia, tahina e passas, são algumas de que me lembro… Mas também adorei ler o posts sobre o teu trabalho na palestina, (e ah! quase me esquecia…) aquele post sobre as sanduíches 🙂
    Para 2013 também me estou a debater um pouco sobre os temas que vou abordar no meu blog, por isso acho que não sou a melhor ajuda. Mas sinceramente, na minha opinião, os teus leitores querem continuar a ver receitas criativas, e o teu lado ativista 😉

    (Ah, vi num comentário acima alguém a pedir informações sobre as doses diárias dos nutrientes (já tenho olho de nutricionista), e se pensei em disponibilizar-te este material: http://fnic.nal.usda.gov/dietary-guidance/dietary-reference-intakes/dri-tables ; são tabelas com as informações de cada nutriente, segundo a idade e sexo da pessoa, espero que ajude)

    Beijinho e bom 2013!

    1. Olá Márcia,
      Fui eu que pedi a informação referente a nutrientes. Muito obrigada pelo link que vou consultar atentamente. Tenho também consultado com frequência o teu blog, que adoro. Beijinhos e obrigada

    2. Obrigada por tudo, Márcia: pelo comentário, pelo link, pela sua presença aqui… Como disse à Lina (mais acima), fiquei muito feliz em ter conhecido pessoas tão especiais aí em Portugal em 2012. E espero conhecer vocês pessoalmente um dia… Quanto ao livro, infelizmente as notícias não são boas (contarei mais em breve). Beijos da terra santa e feliz ano novo!

  15. Sandra! Que post maravilhoso, várias relíquias assim agrupadinhas. Sou leitora assídua do blog já faz uns meses mas perdi muito dos posts passados, e sabe-se lá por que, mesmo conferindo sempre o índice geral acabou passando despercebido vários posts bacanas. Vou olhar com mais calma!

    Primeiro, queria te contar uma coisa, depois de um 2012 repleto de loucuras e mudanças (físicas, materiais e principalmente, internas), finalizei meu ano abraçando o vegetarianismo. Por enquanto, só cortei as carnes, ainda como frutos do mar, ovos e laticínios. Mas a ideia é mesmo ir devagar, porque acredito que mudanças lentas são melhores mantidas e porque minha alimentação ainda não é muito variada (apesar de já ter melhorado muito!).

    E sei que essa mudança tem grande parcela de culpa desse blog maravilhoso que você tanto se dedica. Obrigada!

    Para mim o mais útil foi o de como você organiza as receitas para passar menos tempo na cozinha. Essa é uma das principais dificuldades, tenho um filho pequeno, trabalho em casa (além do cuidar da casa, sou autônoma), não sou muito amiga da cozinha (aprendendo a cada dia), e preciso muito de dicas nesse sentido. Organização, logística… Os posts de preparos de vegetais também foi bem útil, sabe? Porque eu sou analfabeta mesmo e me perco muito no básico.

    Assuntos que eu gostaria de ver:
    – Dicas de congelamento
    – Pratos bem práticos (em quantidade de ingredientes e preparo)
    – Dia a dia na cozinha: dicas simples de como fazer o básico mesmo, como cortar legumes do jeito certo – existe?, preparo simples das coisas… Não sei se sou a única pateta que não sabe o básico, mas sinto muita falta disso. Tô tendo que aprender tudo na raça.
    – Mais posts sobre cosméticos veganos (vc fez sobre a pasta de dente?) – e vou comentar lá no post sobre umas coisas que tenho experimentado!
    – Comidinhas saudáveis que possam ser levados para passeios/viagens. Com um filhote é sempre bom ter essas receitas, pq a fome surge do nada.

    Acho que é isso que já abusei demais.

    Beijos e obrigada de novo!

    1. Rô, acho que sua decisão de ir caminhando aos pouquinhos em direção ao vegetarianismo é sábia. É preciso respeitar o seu ritmo, eu mesma levei muitos anos antes de me tornar vegetariana/vegana. É melhor ir fazendo mudanças pequenas, mas duráveis, do que tentar abraçar o mundo com as pernas (minha mãe que me dizia isso) e desisitir porque a tarefa é difícil demais. Muitíssimo obrigada por esse comentário tão explicadinho. Pode ter certeza que você me deu várias ideias de posts. Principalmente sobre receitas e tecnicas básicas, pra quem não tem muita intimidade com as panelas. E não, você não abusou nem um pouco! Suas sugestões foram muito úteis:)

  16. Sandra, adoro o Papacapim. Acompanho já a um tempo e sempre me surpreendo. Sempre aprendo alguma coisa nova ou uma receita daquelas que se repete muitas vezes. Se você puder, gostaria de saber mais sobre queijos veganos. Afinal, o queijo é uma das coisas mais difíceis de largar. Pelo menos pra mim foi. Beijos.

    1. Com certeza queijo é o alimento de origem animal mais difícil de deixar pra trás… Eu faço vários tipos de queijo vegetal em casa, mas sempre hesito na hora de publicar as receitas porque um dos ingredientes indispensáveis é o levedo de cerveja maltado, que não é vendido no Brasil. Vou experimentar receitas sem ele e, se der certo, pode ter certeza que voltarei aqui pra compartilha-las com vocês.

  17. Sandra,

    No início de 2012 virei vegana e pouco depois descobri seu blog, que tem sido essencial na minha vida. Seu queijo fermentado de castanhas sempre me lembra que vegano não precisa sofrer, só precisa deixar de preguiça e ir pra cozinha…rs…

    O post sobre sanduíches foi o meu favorito, mas gosto de todos, sempre indico o da rotina culinária pras pessoas (aliás, a gente aqui da SVB-Recife sempre indica seu blog pra todo mundo, foi assim que conheci sua amiga Cibele numa palestra). Pra mim ele é simplesmente o melhor blog com receitas veganas que eu já conheci.

    Admiro muito o maravilhoso trabalho que você faz no campo de refugiados e acho super importante divulgar a realidade do povo palestino. Não acho nada estranho misturar comida com política, já que veganismo é antes de mais nada uma postura política… Minha sugestão é que vc continue mesclando os temas, já que são todos interessantes e as receitas ganham muito mais vida quando as conhecemos dentro do contexto em que vc as criou.

    Minha sugestão é que você continue a série de posts sobre “como preparar…”, pois ajudam muito os iniciantes na cozinha ou o próprio reaprendizado de quem sempre cozinhou com ingredientes de origem animal. Seria legal ter mais pratos básicos como cereais, grãos, molhos para macarrão, etc…

    Desejo um 2013 de muita paz para você!

    Bjs

  18. Olá!
    Que felicidade ler seu resumo de 2012 e ver que estávamos “juntas”!!! Me emocionou estar acompanhando sua historia, vc se abrindo e dividindo sua vida com a gente!!! Isso faz tudo ficar ainda mais especial!!!
    Você traz muitas informações,vivências e dicas;agradeço d+,além de escrever com mta poesia e bom humor….
    Para mim, entre todas as receitas, a do leite e da geleia,fizeram diferença grande porque consumo os 2 todos os dias, e me livrar do conservante e açúcar deles, foi bárbaro!!!!
    A dica da b12,me salvou…quanto mais tempo ficaria bem sem ela depois de ser vegetariana há anos (29 anos????).
    A lição de que comida boa,de verdade é da natureza para a mesa, foi fantástica!!!!! É tanta coisa para falar,que fica difícil escolher…..
    Gostaria que continuasse bem assim,como é!!!! Vc misturando receitas,com depoimentos,dicas …Adoro esse lugar!!!
    Desejo que 2013 seja lindo,muito realizador a vc,sua família,que a paz possa chegar aí e ser abundante e que um dia possa comer da sua comida, preparada por vc..rsrsrs
    Abraços a vc, Anne e amigos que fazem parte desse grupo super abençoado 🙂

Deixe uma resposta