Quem diria que o clube da sopa era tão grande? Fico feliz em saber que tem mais gente interessada em sopa do que em sobremesa, mas não se preocupem. As sobremesas continuarão aparecendo por aqui. Então aqui vai a sopa que mencionei no último post, minha mais nova criação nessa categoria. Ela nasceu da necessidade de usar os únicos legumes disponíveis na geladeira: cenoura e couve-flor. Felizmente descobri que eles combinam divinamente bem e pra deixar a sopa mais interessante tive a ideia de juntar um punhadinho de coentro e umas colheradas de tahine. Couve-flor, tahine e coentro nasceram pra formar um menage à trois gastronomico, então o que tinha tudo pra ser uma sopinha sem pretensão e sem graça se transformou em um creme aveludado, de sabor delicado e delicioso. A sopa fez tanto sucesso que já repeti a receita três vezes em duas semanas. Como essa sopa só tem legumes, gosto de servi-la acompanhada de quinoa cozida, temperada só com sal, pimenta do reino e um fio de azeite, pra transforma-la em refeição completa. Sem falar que o contraste da sopa cremosa e das bolinhas de quinoa estourando na boca deixou a receita ainda melhor. Mas nada te impede de servi-la sozinha, como entrada.

 tahine2sopa de cenoura, couveflor, tahine2

Creme de cenoura, couve-flor e tahine

A tahine, essa pasta de gergelim muito usada na culinária árabe, é um ingrediente indispensável aqui. Sem ela a sopa perde a graça. A tahine que uso é a tradicional, que é bem líquida, como mostra a foto acima. A tahine vendida nos supermercados no Brasil e lojas de produtos orgânicos aqui na Europa é bem mais espessa e amarga. Se puder, compre sua tahine em uma loja de produtos árabes. Se sua tahine for do tipo grossa, use metade da quantidade indicada na receita abaixo. Use de preferência cenouras orgânicas, pois o sabor é muito mais intenso e adocicado.

1 couve-flor pequena (aproximadamente 700g), cortada em pedaços médios

350g de cenouras, cortadas em pedaços pequenos

1 cebola grande, picada

4-6 dentes de alho, picados/ralados

3cs de tahine (leia conselhos acima)

um punhado generoso de coentro, picado

2cs de suco de limão

2cs de azeite

sal e pimenta do reino a gosto

Em uma panela grande aqueça 1cs de azeite e doure a cebola. Junte o alho e cozinhe mais alguns segundos. Acrescente a cenoura e a couve-flor, salgue generosamente e refogue durante alguns minutos, em fogo baixo, até os legumes começarem a dourar. Acrescente água, mas só o suficiente pra cobrir os legumes, aumente o fogo e espere começar a ferver. Cubra então a panela e deixe cozinhar em fogo médio-baixo até os legumes ficarem bem macios. Essa sopa deve ficar bem cremosa e espessa, então se ainda tiver muito líquido na panela aumente o fogo e deixe cozinhar, descoberto, por mais alguns minutos pra que uma  uma parte do líquido se evapore. Espere esfriar um pouco e passe a sopa no liquidificador até transformar todos os pedaços de legumes em creme. Devolva a mistura pra panela e junte o coentro. À parte misture a tahine com o suco de limão. Vá juntando água aos pouquinhos até obter um creme (veja explicações detalhadas de como transformar tahine em creme aqui). Despeje metade desse creme na panela da sopa, mais 1cs de azeite e pimenta do reino à gosto. Misture bem, prove e corrija o sal, se necessário. Se preciso, aqueça a sopa antes de servir. Distribua o resto do creme de tahina sobre cada porção e sirva acompanhada de quinoa ou arroz integral. Rende 4 porções.