As férias na França acabaram ontem. Eu costumava ser uma viajante que, antes de sair de casa, sabia exatamente o que ia ver e fazer durante as viagens, mas hoje sinto um prazer imenso em viajar sem roteiro pré definido. Fui me dando conta que, pra mim, as coisas simples e os detalhes deixavam lembranças mais saborosas. Uma luz especial, uma nuvem, cores, um aroma trazido pelo vento, uma vitrine…

 IMG_7329

IMG_7330IMG_7623IMG_7645

Mas isso foi só pra distrair vocês do assunto desse post. Depois de três meses indo de um país pra outro, fazendo e desfazendo malas, minha vida nômade está prestes a acabar. Meu coração se obstinou a chamar de ‘casa’ a Palestina, mas não voltarei pra lá tão cedo. Mais de três meses atrás comentei aqui no blog que estava de mudança, mas não disse pra onde estava indo. A verdade é que meu lar dependia de tantas variantes externas que preferi ter certeza de tudo antes de tornar pública a notícia. Meu plano inicial era me mudar pra Gaza, a parte mais castigada da Palestina e que eu ainda não conheço. Eu seria voluntária em uma ONG especializada na capacitação de mulheres, continuando o trabalho que comecei na Cisjordânia, e escreveria artigos sobre a situação nesse lugar, considerado a maior prisão a céu aberto do mundo. Eu vinha preparando a mudança desde o final do ano passado e ia entrar na faixa de Gaza pela fronteira Egípcia. Estava quase tudo certo. Então veio o dia três de julho e meu plano foi interrompido pelo golpe de estado no Egito e todos os terríveis acontecimentos que isso desencadeou. Agora a fronteira entre o Egito e Gaza está fechada, a população de um lado sendo massacrada e a do outro cada vez mais isolada. Passei os últimos meses acompanhando de perto a situação na região e depois de pensar e repensar tive que aceitar que minha ida pra Gaza não aconteceria agora. Também tive que, de última hora, fazer um plano B.

Estou escrevendo essas linhas na estrada, a caminho de Bruxelas (ah, as maravilhas dos ônibus com wi-fi!). Nos próximos meses escreverei posts e criarei receitas na Bélgica. Todo o resto ainda está fora de foco, mas estou com um pressentimento bom.

IMG_3196